9 de agosto de 2013

Comprando com consciência.

De vez em quando algumas amigas e leitoras me perguntam como é que foi que eu consegui fazer compras com "consciência" e quando foi que comecei. 
Alias, se você quer tirar alguma dúvida, entra em contato com a gente pela fan page do blog ou por e-mail blognossopapo@gmail.com.

Tudo começou quando me apresentaram o Hoje Vou Assim OFF [blog que eu já citei várias vezes aqui], escrito pela Ana Soares uma Carioca de mão cheia que adora uma pechincha [ponto]. Eu sempre amei compras [quem não?], mas também sempre fui mão de vaca, nunca gostei de pagar caro em uma peça, por mais que eu gostasse dela e sempre achei um absurdo o valor que cobram antes de remarcarem a tal jaqueta de couro, ou uma calça jeans qualquer. 

Acontece que de uns tempos pra cá eu não tenho mais onde enfiar roupa no meu armário, estou falando sério. É claro que por ser solteira, o guarda roupa também é, o problema é que as gavetas estão transbordando de camisetas, as araras de calças e vestidos *que nem uso, até*, alguns blazers só faltam ficar com cheiro de morfo de tão guardado que fica. Eu sou daquelas que pode ter mil peças, mas se eu me apaixonar por uma peça, vou usá-la até ela começar a andar sozinha. A proposta do post do Nosso papo de hoje é conscientizar meninas como eu e você, homens também, por que não? A fazer compras conscientes. Dai vai ter um (a) que vai perguntar, mas K eu compro com consciência, será mesmo?

Comprar com consciência não é tão simples como achamos e digo isso com convicção e por experiência própria. Eu demorei um pouco para prestar atenção que eu realmente preciso de algo mais simples e não aquilo que tá lá gritando no cabide com uma etiqueta vermelha ou amarela. 

A proposta da Ana no blog dela é mostrar os looks diários com um toque de que dá pra se vestir bem sem gastar o que tem e até mesmo o que não tem. Até porque acredito eu, que alguém alguma vez na vida você já deve ter estourado o limite do cartão e se não fez isso já chegou perto.

O HVAO tem me ensinado tantas coisas boas. Aprendi que preciso prestar mais atenção no que realmente fica bom em mim e não apenas no que quero e gostei. E entre outros etc da vida, irei fazer uma mini listinha pra vocês do que é necessário fazer antes de correr pra uma loja e comprar uma peça que vai ficar guardada no armário por anos.

Irei fazer o post baseado na minha vida e de algumas amigas que conheço. Até porque preciso colocar algumas coisas em prática e nada poderia ser melhor do que compartilhar com vocês para incentivarmos uma a outra com isso, certo?

Então, antes de correr para o caixa e pagar a peça parcelando-a em 10 vez sem juros, reveja, anote e claro, coloque em prática sempre que achar possível, ou seja, SEMPRE.

1- Primeiro de tudo: Você precisa abrir seu armário, TIRAR TUDO que tem dentro dele, isso mesmo meu caro leitor, minha querida leitora, você precisa esvaziar seu guarda roupa, das peças íntimas, até os sapatos. Analise tudo, se necessário pegue um papel e anote as peças que você tem, até mesmo para não correr o risco de comprar algo bem parecido.

2- Apos retirar as roupa e anotar o que você tem, faça uma lista OU separe de um outro lado as que você menos tem usado, SIIIIIIIM, com certeza essa é a melhor parte [pelo menos pra mim]. Descobrir que você tem uma peça antiguinha e que ela não ver a luz do dia há anos, é sinal de que precisa usá-la com urgência.

3- Depois separe aquelas que você não usa há muito tempo e que sabe que não vai mais usar definitivamente. Doe, faça um bazar, não sei, faça qualquer coisa com a peça, ela precisa sumir do seu armário e você precisa arrumar espaço, até mesmo para as roupas respirarem.

4- Ah, depois de ter tirado, listado, jogado algumas fora, doado e separado algumas para usar novamente. Agora é a vez de você fazer a lista do que você PRECISA comprar e não do que você GOSTARIA de comprar, sim, são situações semelhantes [estamos falando de compras, lembra?], mas são distintas no significado. Precisar é totalmente diferente de gostar. Exemplo: Você quer aquela jaqueta floral linda que tem na sua loja preferida, mas o que você realmente precisa é de uma calça jeans porque a sua está totalmente surrada. Ponto, bingo. É isso. Compre mais uma calça jeans por precisa de uma nova e não mais um casaco pra ficar pendurado no cabide do armário.

5- Depois de ter listado o que você precisa comprar, separe por prioridade, sempre tem algo que você precisa comprar com urgência, mas acaba esquecendo. [Certa vez vi algo no facebook e ri horrores porque passei com uma amiga pela mesma situação, ela disse "amiga, vamos ali que eu tenho que comprar um sutiã", a bichinha comprou tudo o que gostou, mas quem disse que lembrou do bendito sutiã?]. Por isso digo, liste por prioridade.

6- Pra finalizar, depois de ter listado e anotado todo esse passo a passo de uma compra consciente [viu como não é tão fácil assim? ou é?]. Vá às compras COM A LISTA de preferência. E depois sim, você pode comprar algo que goste, que quer, porque ninguém é de ferro, mas pense sempre antes de sair comprando por ai. Afinal, ninguém acha dinheiro em árvore, batalhamos, suamos pelo nosso dinheiro e ele voa. 

Melhor que comprar por desejo é comprar por necessidade, porque mesmo sendo caro você vai usar e vai fazer valer cada centavo dado naquela peça.

Bom, espero ter ajudado de alguma forma, aos homens e mulheres dessa terra. Assim como vocês eu também tenho muita coisa para aprender ainda, quanto nas compras, quanto com a moda .

2 comentários:

  1. Super amei as dicas, realmente preciso colocar em prática muitas coisas aí, principalmente dar prioridade a necessidade, pois sempre que vou comprar algo que preciso acabo comprando algo que vi e gostei - o que geralmente é uma peça totalmente diferente. rsrs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faça isso G. e depois conte pra gente. Beijao

      Excluir