4 de agosto de 2014

Batendo um papo com: Eduarda Wandekoken

Olá, bom dia pra você que também tá com preguiça! :)

Hoje em dia a blogosfera não tá atoa, tem gente a rodo com blog seja de looks, textos, maquiagem ou qualquer outra coisa que desperte o interesse do leitor. E eu sempre gostei muito de blog, até os que quase ninguém lia, eu entrava pra apreciar o que havia naquele lugar. 

Os blogs que mais chamam a minha atenção são os de looks do dia e textos, e isso não é nenhuma novidade, rá, seja lá o que tiver escrito eu paro pra ler e é tão bom. E tudo fica ainda melhor quando eu me identifico com quem escreve no tal blog que leio. Dai viro intrometida, chego até adicionar o seu perfil pessoal só pra manter um contato mais íntimo e individual, foi assim que aconteceu quando conheci o blog da Duda [olha a intimidade rolando ai]. 

Eduarda é uma moça encantadora, com um jeito tão jovem, seus looks são magníficos e o que mais me encantou no EBDP são os seus achados, gente, ela consegue achar cada coisa, até mesmo nessas lojas bem pequenas de bairro e isso é puro amor! <33

O contato tem sido tão grande que mandei algumas perguntinhas pra ela responder aqui pro blog e claro para vocês conhecerem-a. 


- Eduarda Wandekoken, um sobrenome diferente, gostaria de nos dizer de onde veio?
É alemão! Não percebe minha ascendência pelos meus cabelos lisos e loiros e meus olhos azuis? HAHAHA.

- Com um mundo de blogueiros tão grande, quando foi e por que você decidiu criar um?
Demorei para virar leitora de blogs, não conhecia esse mundo e quando conheci me apaixonei! Estava de bobeira em casa em uma noite e comecei a mexer no blogger até que saiu a primeira versão do “Ela brinca de procurar”. Simples assim, sem grandes propósitos, apenas para fazer parte desse universo feminino paralelo!

- O ela brinca de procurar é uma mistura danada, entre looks e bons achados, quando foi que você descobriu que tinha esse espírito para achar peças bacanas? Quanto de brechós e feiras, desde as lojas de departamento?
Humm, essa vai ser difícil de responder... Mas resumindo, sou de origem humilde e nunca tive dinheiro para gastar com roupas e talz. Desde pequena com pouquíssimos recursos. Hoje em dia minha realidade é outra, mas minha relação com dinheiro não mudou. Dou valor a ele e por isso penso muito antes de adquirir um bem material, seja ele qual for, desde um brinco a uma geladeira, HAHAHAH. Acredito que a minha arte de garimpar em qualquer lugar – e ter bons resultados de custo X benefício - seja intrínseca a falta de dinheiro na infância e juventude!

- Aqui no RJ, temos tantas e boas lojas, quanto de grife com peças remarcadas, quanto daquelas bem baratas. Você já conseguiu encontrar peças bacanas, onde valesse o investimento mesmo sendo pequeno?
Quando trabalhava em loja de shopping eu conhecia muitas marcas e lojas, mas nunca fui consumidora, portanto acredito que não tenha nenhum achado desse tipo. Aliás, nem é o meu foco! Faço justamente o caminho oposto, procuro em lojas baratinhas e populares peças que sejam dignas e com preço bom! Esses sim são os verdadeiros achados porque somos orientados pela peça/qualidade e não pela marca, entende?



- Das lojas que costuma comprar, qual é a sua preferida e porquê?
Compro em qualquer lugar que não tenha vendedora chata no meu pé, ris (não que toda vendedora seja assim, claro!). Por exemplo, quando viajei para os EUA eu comprei roupa até no Walmart – e olha que eu estava na terra do consumo, das lojas que o povo pira aqui no Brasil pra comprar, ris.

- Reforçando o lema do blog, você acha que é possível se vestir bem sem gastar horrores?
Sem sobra de dúvidas! Desde que você fuja das malhas animal print! HAHAHAHAH Brincadeira! Nossa sociedade é a do consumo e pior, do consumo desenfreado. Você mal piscou e tudo que tem já é ultrapassado. Se você for seguir essa tendência acaba se perdendo num caminho sem retorno! Fico garimpando por aí, ora peças de qualidade que quero que durem no armário, ora peças baratinhas e de qualidade duvidosa porque sei que não vou fazer questão de ter para todo o sempre, ris. Acredito no equilíbrio destas duas vertentes. Brasileiro acha que o que é caro que é bom e isto não correspondem à realidade na maioria das vezes! O povo tem que abrir o olho. Fora a mania de ostentação né? Isso é muito feio.


- Tem encontrado dificuldade para consumir em algumas lojas? 
Tenho dificuldade de achar peças no meu tamanho nas lojas de departamento (que são as que frequento), mas isso sempre aconteceu, infelizmente. Mas sou conhecida pelos meus achados, então já viu né? Eu dou meu jeito! =)

- E em um mundo cheio de regras, o que a Eduarda hoje, não abre mão de jeito algum na hora de se vestir?
Quando era mais nova achava que mulher pra sair à noite tinha que ser de salto e super sensual. Na verdade a brasileira é sensual por natureza né? Mas eu nunca me senti confortável com isso. Hoje em dia sair pra mim, seja pra onde for, pede sempre liberdade de movimentos. Pode parecer bobo, mas faz uma diferença danada você se sentir confortável com o que está vestindo. Por exemplo, tem aaaaaanos que eu não uso/usava salto alto justamente porque limitava meus movimentos, me cansava e me deixava de mau humor. Quer coisa pior pra uma mulher? Pé no chão me deixa feliz e, consequentemente, mais bonita! A regra é não ter regra! Se sentiu feliz e bonita? Então se joga filha!!! Ris.

- Pelo o que percebi lendo o EBDP, você gosta bastante de sapatos no geral, tem algum modelo específico que arrebate mais seu coração?
Esse é meu ponto fraco! AMO sapatos. Quando vou ao shopping faço uma peregrinação por TODAS AS VITRINES DE LOJA DE SAPATO! Sem brincadeira! Não uso todos, mas qualquer modelo atrai minha atenção, de salto, sem salto, tênis, bota... E para calçados eu já tenho uma opinião diferente da que costumo defender para as roupas. Sapato tem que durar, tem que ser de muito boa qualidade e, infelizmente, a gente só encontra isso em loja de marca BOA. Ou seja, a gente paga caro! O negócio então é esperar a época de liquidação, hahahahah



- Fora do escritório e do blog, quem é a Duda?
Sou funcionária pública e mãe de cachorro (agora duas viralatinhas, Lola e Nutella). No momento estou me dedicando mais a vida saudável, fazendo natação, caminhada e cuidando da alimentação. Amo viajar, tomo cerveja sem álcool e adoro alface! Sou tímida e adoro uma estampa! Quero muitas coisas ao mesmo tempo e por isso na maioria das vezes acabo não fazendo nada – não consigo me decidir no que focar!
Ah, e toda vez que escrevo HAHAHAHA é DE VERDADE!

- Já fez alguma viagem pra fora do Brasil? Nos conte como foi! :)
Não me lembro desde quando, mas coloquei na minha cabeça que queria conhecer Paris, ver a Torre Eiffel de perto e esse se tornou o meu maior sonho! Finalmente quando tive a possibilidade de realizar meu sonho vi que eles não tem limites! Me senti livre, dona do mundo, como se pudesse tudo! Realizar um sonho, seja ele qual for, nos dá essa força interior! Depois disso virei desbravadora do mundo e minha pequena coleção de carimbos no passaporte me dá orgulho! Buenos Aires, Paris, New York, Pensilvânia, Orlando, Miami, Disney, Vaticano, Roma, Londres, Berlim, Leipzig, Frankfurt, Versailles e, novamente, Paris.
É nisso que gasto meu suado dinheirinho. Roupas, sapatos, maquiagens e etc não são nada comparadas a possibilidade de se conhecer o mundo! E com essas viagens eu vou adquirindo e assimilando informação de moda. Coisa que não tem preço. 


_________________________________________________________________
Depois desse pequeno papo com a Duda, percebi que somos parecidas em muita coisa, ela tem um jeito super divertido e é isso que atrai as leitoras lindas e assíduas do blog dela.

Falando nisso, se você quer acompanhar de pertinho os looks e as fotos lindas dessa moça, clica aqui no blog e na fan page e curte é claro. ;)


Agora me diga, alguém ai conhecia a Duda? O que acharam dela?

Beijos

2 comentários:

  1. Sou amiga da Duda a alguns anos. Estudamos juntas na faculdade e definitivamente ela sempre me deu aula de estilo.

    ResponderExcluir
  2. Acredita que visitei o blog dela semana passada através de uma publicação na sua fan page, K? rs. E confesso que amei os looks, principalmente os cachos <3 rs. Super curti esse papo.

    ResponderExcluir